domingo, 22 de janeiro de 2012

Mais que vencedor


Muita gente sofre nessa vida. Passar pelo sofrimento está previsto nas Escrituras Sagradas. Porém, sofrer não é o estilo de vida que deveremos viver. No mundo, encontramos motivos para conhecer a aflição, porém, quando aflitos não podemos desanimar, pois seguimos a Jesus, Aquele que venceu o mundo. Seguindo-o com fé, encontramos o escape da vitória. É preciso ter bom ânimo, levantar a cabeça e vencer as lutas que aparecem. "Porque todo o que é nascido de Deus vence o mundo; e esta é a vitória que vence o mundo, a nossa fé" – 1 João 5.4.
A consequência do pecado é a morte, mas nosso Deus quer que tenhamos vida em abundância Romanos 6.23; João 10.10).

Deus permite o fracasso, mas essa não é a vontade dEle para nós. Todas as dicas para que conheçamos a vitória está na Bíblia Sagrada, que é a Palavra de Deus (2 Timóteo 3.16-17).

É importante sempre ter em mente que Deus é fiel. Jamais alguém passará por dificuldades maiores do que possa suportar. A dor, a perda, a fraqueza sempre estará abaixo do limite de nossas forças. Então, resta confiar e persistir. A persistência, pautada nas diretrizes da Palavra de Deus, nos faz vencer toda a oposição que aparecer, pois somos mais fortes que elas. “Não veio sobre vós tentação, senão humana; mas fiel é Deus, que não vos deixará tentar acima do que podeis, antes com a tentação dará também o escape, para que a possais suportar” – 1 Corintios 10.13.

O Senhor quer que conheçamos o sabor das vitórias!


Muita gente sofre nessa vida, porque não faz da Palavra de Deus a sua regra de fé e conduta. A lei da semeadura acontece: quando o crente toma atitudes não condizentes com a vontade divina, a colheita dele é receber coisas não condizentes com o que o Senhor deseja para a vida dele (Gálatas 6.8).

Mas, é importante levar em conta que às vezes experimentamos apenas a sensação do fracasso. Sim, é só um sentimento. Não é a realidade. Diz a Palavra de Deus que o coração humano é desesperadamente corrupto, só Deus o conhece perfeitamente (Jeremias 17.5-9).

Então, cabe ao cristão se guiar pela fé nas promessas do Senhor, e jamais baseado naquilo que sente. Em momentos que tudo parece derrota, é preciso elevar os olhos para os montes e esperar o socorro dAquele que conhece o coração humano. Queira agir pela fé em Cristo sempre. A sua fé nEle salva você (Salmo 121.1-2; Mateus 9.22; Marcos 10.52; Lucas 17.59).

Houve momentos em minha vida que só poderia esperar a ajuda do alto. A sensação era que todas as minhas atitudes eram passos sem resultados positivos. Olhei para cima e decidi confiar e seguir sem as sensações naturais, sem ver ou sentir nada que me motivasse a continuar tentando vencer naqueles momentos ruins.

Era eu e a presença de Deus, mas a presença divina era imperceptível, porque em meio ao caos parece que Deus está ausente de nossas vidas! Os cinco sentidos naturais me forçavam a crer que Deus não estava mais comigo, e eu lutei contra essa informação mentirosa até o tempo do deserto acabar. O Senhor usou pessoas para anunciar que o tempo da vitória estava chegando. E chegou mesmo!

Se nos momentos de crise eu tivesse ouvido a voz do coração humano, teria fracassado. E, o fracasso não seria a vontade de Deus para mim, a derrota seria apenas a colheita do fruto de um desânimo.

Plantei as sementes de fé, e colhi a vontade de Deus para mim, a realização da minha vitória.

E graças a Deus, que sempre nos faz triunfar em Cristo, e por meio de nós manifesta em todo o lugar a fragrância do seu conhecimento - 2 Coríntios 2.14.

Nenhum comentário: