quarta-feira, 25 de janeiro de 2012

Não desanime


"Não podemos desanimar por causa das lutas que enfrentamos; o exterior se corrompe por causa dos problemas, mas o interior se renova a cada dia, por causa da fé e do Espírito Santo"
"Por isso, não desanimamos; pelo contrário, mesmo que o nosso homem exterior se corrompa, contudo, o nosso homem interior se renova de dia em dia. Porque a nossa leve e momentânea tribulação produz para nós eterno peso de glória, acima de toda comparação, não atentando nós nas coisas que se veem, mas nas que se não veem; porque as que se veem são temporais, e as que se não veem são eternas." (2 Coríntios 4:16-18)
Não podemos desanimar por causa das lutas que enfrentamos; o exterior se corrompe por causa dos problemas, mas o interior se renova a cada dia, por causa da fé e do Espírito Santo.
Quando recebemos o Espírito de Deus, o diabo não consegue mais nos atingir por dentro (interior), então, ele procura trabalhar fora (exterior), naquilo que está exposto: família, vida financeira, sentimental, perseguições no trabalho, injustiças, afrontas, entre outros. Tudo isso com a finalidade de atingir o nosso interior, a nossa fé e nos fazer desanimar; por isso o Espírito Santo nos diz: "NÃO DESANIMAMOS".
Você não tem que abater, mas sim, fazer o diabo desanimar, pois não somos dos que retrocedem, somos da fé, para a conservação da alma (Hb. 10:39).
O que temos passado é uma "leve e momentânea" tribulação, isto é, vai passar, não há mal que dure para sempre. Mas, a salvação é "eterna". Por isso, o diabo trabalha para tirá-la de nós a todo custo, pois somos os eleitos de Deus. A salvação tem um eterno peso de glória, nada se compara a ela. Não podemos trocá-la por nada deste mundo, pelo contrário, devemos trocar tudo (o mundo) por ela, como fez Zaqueu que deu tudo, por causa da vida eterna.
Não podemos atentar para o que vemos. O que você está vendo? Essa não é a realidade. Aquilo que os seus olhos não podem ver é a realidade, a exemplo do discípulo de Eliseu, que via somente os inimigos, mas, Eliseu via os anjos ao seu redor (mais são os que estão conosco) e orou para que Deus lhe abrisse os olhos (olhos espirituais, da fé). Após a oração, ele viu que havia cavalos e carros de fogo ao redor deles. (2 Reis 6:14-17)
Essa é a natureza da fé, certeza de coisas que "não se veem". As que se veem são temporais, passam, tudo passa, mas, as que não se veem são eternas. O diabo trabalha para trazer desespero, aflição, ansiedade, medo, dúvidas e sentimentos, pois, por meio dos problemas e lutas que enfrentamos, ele abre o arsenal para nos derrubar.
É preciso que estejamos revestidos com toda a armadura de Deus, que é o Espírito Santo. Devemos renovar o nosso interior dia a dia, como está escrito, com o objetivo de estar mais perto de Deus, não só às quartas e aos domingos na igreja, mas todos os dias e onde estivermos, para mantermos a nossa salvação.

Fonte: http://versiculododia.blogspot.com

Nenhum comentário: